Cicloturismo e Caminhante-02

Caminhante

Sobre o Caminhante!

No ano de 1999 um grupo de empresários de várias cidades da região turística Vale Europeu, reuniram- se para discutir e planejar o desenvolvimento do turismo regionalizado e fundaram a Associação de Desenvolvimento do Turismo do Vale Europeu. Durante o processo de implantação do projeto em 2005, viu-se a necessidade da criação de um órgão gestor para a sustentabilidade e idealização de projetos, sendo direcionado ao Consórcio Intermunicipal do Médio Vale do Itajaí – CIMVI a necessidade da criação desse serviço. Desta forma foi apresentado ao consórcio o planejamento de unir as cidades em um único produto turístico para o fortalecimento desse setor. Assim foi criado a gestão de turismo que no decorrer dos anos criou circuitos e roteiros dos atrativos existentes em todas as cidades consorciadas. Os circuitos de Cicloturismo e do Caminhante, foram criados a partir de 2006, projeto este resultado do trabalho em conjunto do poder público e iniciativa privada, que possibilitaram a estruturação e promoção dos atrativos.

  • Avaliações 1 Avaliação
    5/5
  • Aeroporto mais próximo Navegantes / SC
  • Dificuldade Moderado - Não recomendado para iniciantes
    3/8
  • Tamanho do grupo indicado Grupo Médio
    +6
Tudo sobre Caminhante.

Este circuito está programado para ser realizado em nove dias, mas permanecer por mais dias lhe possibilitará conhecer os atrativos turísticos culturais e naturais da região do Vale Europeu; serão 200 km por estradas de terra nas áreas rurais das cidades envolvidas. Por ser autoguiado está sinalizado com setas brancas nos postes, pedras e há placas orientativas espalhadas pelo percurso. Há elevações diversificadas chegando a 900m acima do nível do mar. O circuito possuí vasta diversificação de atrativos ao longo do percurso.

Como utilizar a planilha de informações do Circuito:
A planilha apresenta as características do dia a dia a ser percorrido resumindo as maiores dificuldades físicas e de orientação e os pontos de interesse e atrativos.

Importante:

Se realizar o circuito sozinho (sem operadoras ou agência) é prioridade realizar as reservas nas hospedagens com antecedência. Os contatos das hospedagens e hotéis estão no dia a dia do circuito. O roteiro está dividido em várias etapas, cabe ao caminhante optar em ficar mais ou menos dias, podendo hospedar-se em qualquer local do roteiro. As hospedagens disponibilizam alimentos para o percurso.

Aeroporto mais próximo: Navegantes
É possível percorrer os roteiros de carro.

Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

Mais informações sobre a estrutura, o que está incluso e o que você deve levar
O que está incluindo neste passeio?Itens que são cobertos no preço e que fazem parte da estrutura do passeio.
  • Guia turístico credenciado
  • Entrada em museus
  • e etc
O que não está incluído neste tour?Itens que não estão inclusos e você deve levar para tornar seu passeio mais agradável.
  • Passagem de avião
  • Almoço
  1. Etapa 01 Dia01 - Inicio

    1ª Etapa – Indaial/Rodeio/Timbó – Início: Ponte dos Arcos – 27,30km

     

    Bem-vindos ao circuito do caminhante Vale Europeu, o local de início do circuito é a Ponte dos Arcos, símbolo da cidade de Indaial, cidade colonizada por alemães, italianos e poloneses, no percurso é possível conhecer o museu da linha férrea que passou por Blumenau/Indaial até a cidade de Ascurra. As igrejas históricas, católicas, evangélicas e luteranas, impõem que a fé é mantida até os dias atuais. Informações na Prefeitura Municipal – Centro – Fone: 47 3317 8800 – e-mail: [email protected]www.turismo.indaial.sc.gov.br . O percurso que inicia no centro urbano da cidade atinge a estrada de terra após cruzar a BR 470, no bairro Araponguinhas, colonizado por alemães as igrejas, arquitetura enxaimel das casas e jardins bem cuidados relembram as cidades do interior europeu. A um certo ponto iniciará uma subida que o levará a cidade de Rodeio, as capelas serão o ponto de referência nesse percurso, colonizada por italianos a fé religiosa é o ponto forte das localidades percorridas. A Localidade do Rio Belo, bairro Rodeio 12 o bairro dos Lagos liga a cidade de Timbó, após cruzar a Ponte Pênsil, no bairro Dona Clara está o Museu da Música, o cemitério, a Igreja Luterana e o Complexo Turístico Jardim do Imigrante, onde finaliza a 1º etapa.

     

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

     

  2. Etapa 02 Timbó

    2ª Etapa – Timbó/Pomerode – Início – Praça do Complexo Turístico Jardim do Imigrante – 25,40km

     

    O início da caminhada será no mesmo local onde finalizou a 1ª etapa, no Complexo Turístico Jardim do Imigrante, onde está o Museu do Imigrante e a bela ponte que corta o Rio Benedito. O Complexo apresenta a construção de um dos moinhos da época que impulsionaram a economia da cidade. Informações www.turismotimbo.com.br – fone: 47 3382 4170 – e-mail: [email protected] . A caminhada pelas ruas no centro urbano de Timbó levará ao percurso deste dia. O grau de dificuldade será maior do dia anterior, com uma subida de quase 400mt, repleto de natureza e belas paisagens. Passará do urbano para a zona rural, agricultura, jardins organizados e bem cuidados ladeiam as casas em estilo enxaimel. A religiosidade neste percurso aparece preservada nas igrejas e pequenas capelas ao longo do caminho. Passando por tifas, cruzando o Morro Azul o caminho leva a cidade mais alemã do Brasil, Pomerode, no Portal Sul finaliza a 2ª etapa da caminhada. Símbolo da cidade, você encontra informações dos locais para visitação www.vemprapomerode.com.br  – fone: 47 3387 2627 – e-mail: [email protected] ,você terá a oportunidade de conhecer os museus que guardam toda a história do desenvolvimento e colonização, o 3º Zoológico mais antigo do Brasil, a arte da falcoaria, a gastronomia e as belas porcelanas.

     

    Clique aqui para fazer o download do Wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  3. Etapa 03 Indaial

    3ª Etapa – Pomerode/Rio dos Cedros – Início Portal Sul – 17,30km

     

    Neste dia o percurso será em estradas asfaltadas e de paralelepípedos, sendo o percurso mais urbanizado do circuito, mas com uma variedade de atrativos que prendem a atenção, casas centenárias de arquitetura enxaimel, igrejas, as lojas que oferecem produtos de Pomerode, museus, o sotaque alemão ouvido nas ruas, são características da cidade colonizada somente por alemães. Um pedaço da Alemanha neste pequeno canto que preserva e guarda suas origens. Ao seguir o caminho passará pela Museu Casa do Imigrante Carl Weege onde é possível visitação, mais adiante a divisa com a cidade de Rio dos Cedros, onde é perceptível o sotaque italiano, identificando sua colonização. Seguindo pela localidade de Santo Antônio que levará ao Centro de Rio dos cedros onde é o final da 3ª etapa. Informações www.riodoscedros.sc.gov.br – fone: 47 3386 1050 – e-mail: [email protected]

     

    Clique aqui para fazer o download do Wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  4. Etapa 04 Pomerode

    4ª Etapa – Rio dos Cedros/Benedito Novo – Início: Praça da Igreja Imaculada Conceição de Rio dos Cedros – 23,30km

     

    Neste percurso comércios são inexistentes, leve lanche e água para o dia, a caminhada será em meio a natureza, em pequenas estradas estreitas poderá apreciar a natureza, pássaros, borboletas, pequenos animais campestres, flores e riachos particularmente, terá a fauna e flora acompanhando sua caminhada. Encontros com agricultores com suas carroças e pequenas maquinas seguindo para a lida no campo serão continuadamente. As construções das casas e as igrejas são mais simples, mas o povo é hospitaleiro, cruzará por localidades como Santa Maria, São Bernardo e Rio Cunha na cidade de Benedito Novo. Colonizada por alemães, italianos e poloneses a cidade de Bendito Novo mantém as três tradições fortemente guardadas na arquitetura, no modo de falar, nas danças típicas e na lida na lavoura. A caminhada deste dia finaliza na localidade de Alto Benedito. Informações turísticas www.beneditonovo.sc.gov.br – fone: 47 3385 4341 – e-mail: [email protected]

     

    Clique aqui para fazer o download do nosso Wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  5. Etapa 05 Doutor Pedrinho

    5ª Etapa – Benedito Novo/Doutor Pedrinho – Inicio: Alto Benedito – 26,30km

     

    O percurso deste dia continuará por estradas estreitas, pequenas pontes, riachos e muita vegetação, comércios são inexistentes, leve lanche e água para o dia. Locais para compra de água e alimentos são escassos pelo percurso. Não deixe de levar água e alimentos para o dia. A natureza exuberante, casa e seus jardins bem cuidados, as Igrejas, A Gruta anto Antônio está no percurso, descer alguns metros do caminho que leva a ela vale a pena. Neste dia o percurso termina na Praça em frente à Prefeitura da cidade. Informações turísticas www.doutorpedrinho.sc.gov.br – fone: 47 3388 0050 – e-mail: [email protected]

     

    Clique aqui para fazer o downlo0ad do nosso Wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  6. Etapa 06 Timbó

    6ª Etapa – Doutor Pedrinho/Benedito Novo (Alto Liberdade) – Início Prefeitura de Doutor Pedrinho – 23,70 km

     

    Neste dia o percurso refaz parte do 5º dia, leve água e alimentos pois haverá poucas opções pelo caminho; igrejas e pequenas capelas estão pelo caminho e uma raridade construída na técnica Enxaimel, a única no Brasil. A fauna e flora exuberante por todo o percurso o levarão ao final do trajeto à possibilidade de conhecer a linda Cachoeira do Zinco, com mais de 60mt de queda d’água, está na propriedade da Pousada Campo do Zinco onde poderá ficar hospedado. Porém há outras hospedagens na redondeza caso não desejar caminhar mais 8,40 km para chegar a cachoeira.  Em Benedito Novo há várias atividades que podem ser realizadas, a prática de esportes de aventura e as caminhadas ecológicas, acompanhadas por empresas especializadas no atendimento da atividade.

    Clique aqui para fazer o download do nosso Wikilock
    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  7. Etapa 07 Chegada

    7ª Etapa – Benedito Novo (Zinco) /Rodeio – 25,50km – Início Alto Liberdade

     

    Para continuar a caminhada é preciso voltar pelo mesmo caminho do dia anterior se ficou hospedado na Pousada Campo do Zinco. Lembre-se da água e alimentos. Ao seguir pelo caminho que leva a cidade de Rodeio, vários atrativos como: a bicicleta gigante, a maior tirolesa da América Latina, estradas ladeadas de hortênsias e o Caminho dos Anjos. Chamado de Picol Paradis, que quer dizer Pequeno Paraiso, a imagem do Cristo com 9mt de altura é rodeada por imagens de anjos somando 68 estátuas em todo caminho. A corredeira do rio acompanhará o percurso até chegar ao final da descida.  A cidade de Rodeio foi colonizada por italianos, a cultura é fortemente preservada e ainda é possível ouvir o dialeto trentino pelas ruas onde passar. A gastronomia é um forte atrativo e degustar um vinho na Vinícola San Michele será uma ótima escolha. Ao chegar no centro de Rodeio na Praça dos Imigrantes em frente a prefeitura finaliza a 7ª etapa. Há muitos outros atrativos para conhecer em Rodeio, como a Igreja Matriz São Francisco de Assis. Informações turísticas www.rodeio.sc.gov.br – fone: 47 3384 0661 – E-mail: [email protected]

     

    Clique aqui para baixar nosso Wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  8. Etapa 08 Timbó

    8ª Etapa – Rodeio/Ascurra/Apiúna – 19,80km – Início: Praça dos Imigrantes

     

    A caminhada pelo centro de Rodeio lhe dá a oportunidade de conhecer um pouco da arquitetura dos casarios antigos presentes no cenário da cidade. Uma das primeiras capelas construídas na cidade está no percurso a Capela Nossa Senhora da Glória, que dá nome ao bairro seguinte após o centro, onde logo está o portal turístico. O percurso até a cidade de Ascurra é em estradas de paralelepípedo, no percurso há vários bares, padarias, mercados, restaurantes e lanchonetes. A cidade de Ascurra também foi colonizada por imigrantes italianos, os casarios e igreja é o legado deixado como na vizinha Rodeio. A arquitetura do Colégio São Paulo e do Teatro, junto com a Igreja Matriz Santo Ambrósio é o atrativo que chama atenção ao chegar no centro da cidade. Ascurra foi colonizada por italianos, as igrejas e as casa em arquitetura italiana são os atrativos na cidade, Ascurra tem muitos atrativos naturais, mas é necessário agendamento com as operadoras para visitação, os mais conhecidos estão localizados na Serra da Leoa, a cachoeira do oitenta e o Sítio das Andorinhas, no Ilse perto da Capela Santa Terezinha. O caminho para Apiúna é estrada de terra, o Rio Itajaí-Açú ladeia quase todo o percurso até a cidade. Cruzando a ponte pênsil está a Igreja de Sant’ Ana que pode ser avistada ainda da ponte. Ali finaliza a 8ª etapa. Apiúna é a cidade do Rafting, com o melhor rio para a prática da atividade, administrada pela Ativa Rafting e Aventura, que oferece outras atividades, como rapel, caminhada e Informações www.apiuna.sc.gov.br – fone: 47 3353 2000.

    Clique aqui para fazer o download do nosso Wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

  9. Etapa 09 Indaial

    9ª Etapa – Apiúna/Ascurra/Indaial – 34,80 km – Início Ponte Pêncil

     

    Se você optou em pernoitar em Apiúna e voltar pela rodovia, será importante muita atenção a BR 470 é de trafego intenso, sendo o único caminho que leva à cidade de Indaial. Mas se você optou em voltar pelo mesmo percurso em Ascurra, o percurso segue do Centro da cidade em direção a BR 470. Logo após a prefeitura siga pela 1ª Rua a sua direita, para cruzar a BR 470 o acesso é por baixo da ponte, cruze a velha ponte e siga para pela rodovia após a ponte vire a esquerda seguindo pelo Bairro Estação até a cidade de Indaial. Colonizada pelos italianos, alemães e poloneses, na cidade é possível conhecer o museu ferroviário e um pouco da história do trem que cruzava Blumenau/Indaial/Ascurra e Apiúna. As igrejas históricas, católicas, evangélicas e luteranas, impõem que a fé é mantida até os dias atuais. Casas estilo Enxaimel, belos jardins, paisagens, pontes, como a Ponte Pênsil do Warnow, imponente pela extensão, está sobre o principal rio da região, o Rio Itajaí-Açú. As pontes de madeira cobertas, prática realizada pelos colonizadores para proteger a madeira usada na construção das mesmas e a Ponte dos Arcos, ponto de referência do final do circuito. Informações na Prefeitura de Indaial, setor de turismo – Centro – Fone: 47 3317 8800 – e-mail: [email protected]www.indaial.sc.gov.br  . Parabéns você finalizou todo o percurso do Circuito Vale Europeu Catarinense, retire seu certificado no Hotel Fink.

     

    Maiores informações no site: www.circuitovaleeuropeu.com.br

     

    Na natureza não há garis ou responsável para limpeza, leve o lixo até chegar a uma lixeira ou pousada.

     

    Clique aqui para fazer o download do nosso wikilock

    Um pouco sobre a nossa planilha se quiser baixar lá só clicar aqui

Ponte-dos-Arcos-IV-Jornada-Fotográfica-Acervo-FIC contraste
  • Use um boné, roupas e calçados adequados para caminhar, leve na mochila além do protetor solar, repelente de insetos e material de primeiros socorros. Uma capa de chuva e um cajado são aconselháveis.
  • Pequenos bares e conveniências
  • Hospedagens familiares
  • Espaço rural
  • Produção de hortifrutigranjeiro
  • Cenários que remetem a Europa
  • Monumentos históricos
  • Natureza repleta de fauna e flora
  • O credenciamento para o circuito do Caminhante está disponível no Hotel Fink, Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 1191 – Tapajós – Fone: 47 3333 3703 – e-mail: [email protected] na cidade de Indaial.
  • O valor cobrado no credenciamento é de R$ 20,00 contendo passaporte e a planilha de informações do Circuito.
  • O passaporte pode ser carimbado nos hotéis, restaurantes, prefeituras, portais e vários pontos de vendas da região e ao completar o circuito o certificado está disponível no mesmo local do credenciamento (Hotel Fink).
  • Atualmente o circuito está profissionalizado, operadoras credenciadas e estruturadas disponibilizam pacotes prontos com reserva de hospedagens, alimentação, transfer de aeroporto, contratos de carro para bagagem ou carro apoio durante a caminhada. Atendimento para passeios, trilhas e prática de turismo de aventura, devem ser realizados com antecedência com as operadoras.
Avaliação Geral
5/5
Chamella
Avaliado em 13/12/2019
5/5

Melhor roteiro

DEIXE O SEU COMENTÁRIO